circulo de arte e recreio guimaraes
vibra saude 1
+ Natural RGB

DEDOS EM GARRA E MARTELO

Os dedos em garra e martelo são caraterizados por uma contratura destes em consequência de um desequilíbrio entre os tendões da zona dorsal e plantar dos dedos.

O calçado apertado e de forma estreita aumenta esta deformidade provocando continuamente fricção nas saliências ósseas dos dedos em consequência desta alteração.

A deformidade dos dedos em garra e martelo pode ser classificada em flexível ou rígida.

Inicialmente apresentam-se flexíveis sendo possível manualmente colocar os dedos na sua posição correta.

Futuramente na ausência da aplicação de um tratamento e com o uso de calçado inadequado, as deformidades dos dedos em garra e martelo ficam rígidas, nestes casos é impossível colocar os dedos na posição reta.

É comum o aparecimento de calos e calosidades no dorso dos dedos pela fricção do calçado, e zona plantar dos dedos pela pressão que suportam correspondente ao desalinhamento que os dedos adquiriram. É também comum em determinados casos a presença de calosidades na planta do pé.

TRATAMENTO

São várias as opções de tratamento mediante a evolução da deformidade e o quadro clínico em questão.

Numa primeira linha de eleição consideramos o tratamento paliativo que atua diretamente na causa da deformidade.

Estes tratamentos baseiam-se na aplicação de uma palmilha ou dispositivo específico, aconselhado previamente pelo podologista com a finalidade de controlar e corrigir as alterações biomecânicas presentes no pé que são a origem das deformidades dos dedos.

Estas palmilhas personalizadas e adaptadas pelo podologista atrasam o processo de evolução da deformidade flexível e atuam em grande percentagem e número na vertente corretiva, nos casos de deformidades que provêm das alterações biomecânicas do pé.

Nas situações de presença de dor provocada pela alteração do correto alinhamento dos dedos, calosidades e uso de calçado inadequado a finalidade do podologista é eliminar temporariamente a dor, eliminando as calosidade, aconselhar o tipo de calçado mais apropriado, realizar ligaduras funcionais e aplicar ortóteses de silicone personalizadas e adaptadas especificamente para cada caso.

O tratamento definitivo consiste na intervenção cirúrgica e depende sempre do grau da deformidade.